Audiência vai debater nesta segunda política de cotas e ações afirmativas na educação

Audiência vai debater nesta segunda política de cotas e ações afirmativas na educação


Marcelo Camargo/Agência Brasill
Educação - cotas - universidade - Estudantes negros na UnB
Inclusão de estudantes negros vai ser debatida em reunião virtual

A comissão de juristas criada pela Câmara dos Deputados para revisar a legislação sobre racismo promove nesta segunda-feira (29) audiência pública virtual para debater uma política de cotas e ações afirmativas na educação.

O debate será realizado a partir das 10 horas, no plenário 14, por um dos grupos de trabalho da comissão (GT Direitos Sociais – Trabalho, Saúde, Educação e Cultura). Os interessados podem acompanhar a audiência pela internet.

Foram convidados para o debate:
– o pesquisador Adriano Senkevics, do Instituto Nacional de Pesquisas e Estudos Educacionais Anísio Teixeira (Inep);
– a diretora do Centro de Artes, Humanidades e Letras da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (CAHL-UFRB), Dyane Brito;
– o diretor-executivo da Educafro, Frei David;
– a coordenadora do Movimento Negro Unificado (MNU), Iêda Leal de Souza;
– o coordenador do Grupo de Estudos Multidisciplinares da Ação Afirmativa (Gemaa) do Instituto de Estudos Sociais e Políticos (Iesp) da UFRJ, Luiz Augusto Campos;
– a coordenadora do Consórcio Nacional de Núcleos de Estudos Afro-Brasileiros (Conneabs), Maria Albenize Farias Malcher;
– o primeiro diretor de Combate ao Racismo da União Nacional dos Estudantes (Une), Natan Ferreira;
– o professor Rodrigo Ednilson de Jesus, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
– a pesquisadora Úrsula Mello, da Universidade Carlos III de Madri (Espanha); e
– um representante da Uneafro.

Da Redação
Edição – Pierre Triboli

Infoco Web

Infoco Web

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *