Chevrolet Opala SS4 recebe motor V8 e chega aos 300 cv

Chevrolet Opala SS4 recebe motor V8 e chega aos 300 cv


source
Opala SS4 de 1976 trocou o motor de 4 cilindros por V8 de 350 cv, vindo do Chevrolet Corvette
Renato Bellote/iG

Opala SS4 de 1976 trocou o motor de 4 cilindros por V8 de 350 cv, vindo do Chevrolet Corvette

A publicidade automotiva nos anos 70 era bem mais agressiva. Na verdade era mais divertida também. Os publicitários abusavam da criatividade, provocavam os concorrentes e incitavam os compradores a pisar fundo e conhecer os limites dos carros.

Esse último fato, em especial, é marcante na época do lançamento do Opala . O modelo da Chevrolet , derivado do Opel Rekord, chegou ao mercado brasileiro em 1967. Realmente era algo diferente e inovador, com um desenho bastante atual e moderno.

A versão SS chegaria três anos mais tarde. No primeiro ano a Chevrolet lançou o esportivo em versão quatro portas. A carroceria cupê chegaria em 1972 e combina muito mais com a proposta do Opala SS . O desenho que desce com suavidade passa uma impressão de leveza e também acentua sua esportividade. Isso é fortalecido pela lateral sem coluna, que enfatiza o design.

Você viu?

Outro diferencial diz respeito à parte mecânica. As versões Comodoro e De Luxo utilizavam o motor de seis cilindros em linha e 3,8 litros. Já a esportiva recebeu o bloco de 4,1 litros de cilindrada. Desse modo entrega 140 cv com o torque razoável de 29 kgfm. Mas em 1974 a opção econômica chamada SS4 chegou ao mercado.

Porém para o dono desse exemplar de 1976 a simples troca pelo 250-S não seria suficiente. A ideia foi além e ele recebeu um 350 V8, um dos small blocks mais famosos na história da Chevrolet e que equipou diversos modelos desde a década de 60. Nesse caso o doador foi um Corvette.

Com os acertos da injeção programável o carro ganhou em confiabilidade e potência. O preparador estima algo em torno dos 300 cv, com acerto fino e destaque para o escapamento todo em inox. Vale ressaltar o jogo de rodas de 15 polegadas e os bancos do Camaro SS .

Além das peças cromadas, o V8 também ficou bem alojado no cofre do motor do Opala original
Renato Bellote/iG

Além das peças cromadas, o V8 também ficou bem alojado no cofre do motor do Opala original

Guiar o Opala nessa configuração é uma tarefa divertida, lembrando que o modelo pesava por volta de 400 kg a menos que seus rivais com motor V8. Nesse caso atenção redobrada para não sair rabiscando o asfalto. O giro sobe e o ronco invade a rua como música para os ouvidos. O resto vocês acompanham no vídeo acima. Até a próxima semana!

Fonte: IG CARROS

Infoco Web

Infoco Web

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *