Durante velório, família encontra corpo errado em caixão e descobre que avó não morreu

Durante velório, família encontra corpo errado em caixão e descobre que avó não morreu

Foto: Reprodução/Tv Globo

Foto: Reprodução/Tv Globo

Uma família quase enterrou o corpo de um homem desconhecido ao ser informada erroneamente sobre a morte de uma idosa que estava internada no Hospital Regiinal Dr. Abelardo Santos, em Belém no Pará.

Segundo Bruno Andrade, neto da mulher, quando o suposto corpo dela foi entregue, os funcionários do hospital não deixaram que a urna fosse aberta por causa do risco de contaminação por coronavírus.

Os parentes receberam o caixão, mas enquanto a velavam decidiram abri-lo para ver como ela estava. Nesse momento,eles levaram um susto ao se depararem com o corpo do homem desconhecido.

Eles acionaram o hospital e o corpo foi levado de volta para a unidade. Bruno também seguiu para o local e conta que precisou olhar olhar mais de 30 corpos na procura tentar encontrar a avó. 

Horas depois foi descoberto que Dona Maria, 69, estava viva, se recuperando em um dos leitos do hospital. Com o crescimento de mortos pelo coronavírus, o sistema de saúde do Pará está saturado e casos como o da avó de Bruno tem se repetido com frequência.

Jornal Digital do Brasil

Jornal Digital do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *