Associação dos Oficiais Militares do Estado de São Paulo se nega a cumprir ordem de João Doria

Associação dos Oficiais Militares do Estado de São Paulo se nega a cumprir ordem de João Doria

De acordo com a Associação dos Militares, eles não podem se envolver em vontades do Governador, mas tem a missão de proteger o estado.

Em uma publicação feita neste sábado (11) na rede social Twitter, mostra uma nota da Associação dos Oficiais Militares do Estado de São Paulo em que eles se negam a cumprir as ordens de prisão que o Governador João Doria ordenou para manter as pessoas na quarentena.

De acordo com a Associação dos Militares, eles não podem se envolver em vontades do Governador, mas tem a missão de proteger o estado. Assim, a página da Associação tinha a seguinte mensagem, destinada a população e ao Governador João Doria.

O Governador João Doria está com a sua popularidade lá em baixo com o povo paulistano. Depois de tomar diversas medidas que a maioria desaprova, as chances dele perder o cargo que hoje ocupar são bem altas.

(As informações foram retiradas do Blog diário Prime) e do Twitter da (Associação dos Oficiais Militares do Estado de SP)

Jornal Digital do Brasil

Jornal Digital do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *