Mulher que voltava de UPA é sequestrada e estuprada com filho no colo em MG

Mulher que voltava de UPA é sequestrada e estuprada com filho no colo em MG

Vítima tinha levado o filho de 10 meses para atendimento médico, quando o homem a obrigou a entrar em um carro e a estuprou.

Uma mulher de 22 anos que voltava de atendimento médico em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) com o filho de 10 meses no colo foi sequestrada e estuprada, no bairro Tupi, região Norte de Belo Horizonte (MG). De acordo com a Polícia Militar, o crime foi registrado nesse sábado (29).  Aos policiais, a vítima contou que, na noite de sexta-feira (28), ela saiu com o filho de 10 meses para ir até a UPA porque a criança estava com febre. Na volta, ela parou em um ponto de ônibus, onde aguardava o coletivo para voltar para casa. Em determinado momento, passou um homem em um carro vinho e estacionou perto dela. O motorista do veículo perguntou se ela queria carona. Ela disse que não. Ele então mostrou uma arma para a vítima e ordenou que ela entrasse no carro. Com medo, a jovem entrou no veículo. O homem foi até uma rua pouco movimentada e com pouca iluminação, mandou a mulher tirar a roupa e a estuprou.  Ela disse que houve penetração e que a todo momento implorava para que o homem parasse o estupro, já que o filho dela estava chorando muito. Porém o homem não parou. Após consumar o ato, o suspeito perguntou a mulher onde ela morava e a levou em casa.  A irmã da vítima, contou que a jovem chegou em casa chorando muito, dizendo que estava com nojo e contou do estupro. Ela foi socorrida ao Hospital Odilon Behrens para passar por exames médicos. A calça que ela estava usando foi apreendida e será periciada para ver se são encontrados materiais genéticos do suspeito. Câmeras de segurança próximas a casa da mulher devem ajudar a identificar o autor do crime. 

Jornal Digital do Brasil

Jornal Digital do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *