LAR DOS VELHINHOS DE CAMPINAS PRECISA DE AJUDA URGENTE .

LAR DOS VELHINHOS DE CAMPINAS PRECISA DE AJUDA URGENTE .

O Lar dos Velhinhos de Campinas está em busca de ajuda financeira para enfrentar dificuldades e continuar atendendo. A instituição que atende 114 idosos depende de doações para sobreviver, e elas despencaram 40% desde o fim do ano passado devido à crise econômica.

A instituição precisa de cerca de R$ 550 mil por mês, mas, há dois anos, os volumes de contribuições estão em queda. “A gente está remediando tudo o que a gente consegue. Mas, se continuar nessa crescente, não demora muito para que a gente tenha que cortar algum tipo de serviço. E a gente luta pra que isso não aconteça. Uma instituição desse tamanho, que presta um serviço há 115 anos, não pode correr o risco de vir a fechar as portas por falta de recursos”, afirmou a coordenadora de comunicação da instituição, Natália Rodrigues Chaves.

“Se a gente não conseguir verba pra comprar os insumos, ou doações que cubram os custos, teremos que começar a cortar serviços”, analisou.

Para tentar aumentar as fontes de renda o Lar está fazendo uma campanha de doação financeira e de cestas básicas. Além disso, a campanha também solicita a doação de remédios e de recursos para pagar contas cotidianas, como água, luz e telefone. Só de roupa, a instituição lava nove toneladas por mês. Conta com lavanderia própria, farmácia interna e cozinha industrial.

No local são atendidos idosos carentes, de ambos os sexos, que não têm possibilidade de prover o próprio sustento. Dos 114 velhinhos, 40% usam fraldas ou dependem de ajuda para necessidades essenciais, como levantar-se para ir ao banheiro.

Para tratar os idosos, a casa dispõe de 160 funcionários e funciona 24 horas, sete dias por semana, com enfermeiros, psicólogos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais e educadores físicos, além de cuidadores. Além do quadro da saúde, há uma equipe administrativa e de manutenção predial.

Apenas 8% dos recursos necessários provêm do governo (municipal, estadual e federal), o que não cobre nem os custos com alimentação. Já os idosos que conseguiram se aposentar contribuem com os próprios rendimentos (recebem o piso de R$ 996,00). Os que não conseguiram, contam com a ajuda do lar para tentar obtê-lo.

“Aqui, nós proporcionamos a ideia de que não é porque a gente envelhece que a vida acabou. E é muito legal que as pessoas venham conhecer o lar, bater um papo com os idosos. Não precisa ter vinculo com ninguém. Quem quiser pode vir e criar um novo laço”, acrescenta Natália.

SERVIÇO

Lar dos Velhinhos de Campinas
Rua Irmã Maria de Santa Paula Terrier, 300 – Vila Proost de Souza, Campinas
Doações: podem ser feitas 24 horas por dia na portaria
Visitas: às segundas, terças, quintas e sextas-feiras, das 15h às 16h; aos finais de semana e feriados, das 14h às 16h30.
Contato: telefone fixo: (19) 3743-4300; celular e WhatsApp: (19) 9-9668-4945
Site: lvc.org.br/site
Instagram: instagram.com/lardosvelhinhoscps/

COM INFORMAÇÕES CIDADE ON

Jornal Digital do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *