Intervenção rápida coloca fim a rebelião

Intervenção rápida coloca fim a rebelião

A Secretaria da Administração Penitenciária informa que a situação está controlada nos Centros de Progressão Penitenciária de Mongaguá, Tremembé e Porto Feliz, além da ala de semiaberto da Penitenciária II de Mirandópolis, onde houve evasão de presos e ato de insubordinação devido à suspensão da saída temporária, que ocorreria nesta terça-feira (17).

O Grupo de Intervenção Rápida controlou a situação nos presídios de forma imediata. Até às 22h30, 174 presos foram recapturados pela Polícia Militar com apoio de agentes de segurança penitenciária. A SAP realiza a contagem para determinar o número exato de fugitivos.

Saída temporária suspensa

A medida foi necessária, pois o benefício contemplaria mais de 34 mil sentenciados do regime semiaberto que, retornando ao cárcere, teriam elevado potencial para instalar e propagar o coronavírus em uma população vulnerável, gerando riscos à saúde de servidores e de custodiados.

Grupo de Intervenção Rápida controlou a situação nos presídios e 174 presos foram recapturados pela Polícia Militar

Jornal Digital do Brasil

Jornal Digital do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *