Homem é preso depois de agredir companheira grávida de nove meses com joelhadas na barriga

Homem é preso depois de agredir companheira grávida de nove meses com joelhadas na barriga

Homem disse aos policiais que, durante a discussão, se descontrolou e acabou agredindo a mulher com uma joelhada que atingiu a barriga. Já a filha da vítima disse que na verdade foram três joelhadas e um soco na cabeça.

Um operador de telecomunicações, de 26 anos, foi preso por policiais militares nesta sexta-feira (20), em Suzano (SP), depois de ter agredido a joelhadas a companheira, grávida de 9 meses, a joelhadas, segundo a PM.

A polícia foi chamada para atender uma denúncia. Um homem estava agredindo a esposa e enteada, que pediram socorro. No local, em contato a grávida, de 35 anos, ela contou que momentos antes, durante uma discussão, seu companheiro tinha dado várias joelhadas na parte inferior da sua barriga.

Os policiais então procuraram o agressor, que continuava na casa e parecida estar alcoolizado. Ele disse aos policiais que, durante a discussão, se descontrolou e acabou agredindo a mulher com uma joelhada que atingiu a barriga.

A filha da vítima, de 18 anos, estava na casa da mãe para ajudá-la, já que está prestes a dar a luz, quando, segundo ela, o acusado chegou a casa, depois de passar a noite fora, aparentando estar bêbado e drogado, dizendo que iria matar sua mãe e, durante a discussão deu três joelhadas na barriga dela e um soco na cabeça.

A filha tentou impedir as agressões, mas o padrasto continuou. Foi quando pediu ajuda a uma vizinha para chamar a Polícia militar.

A vítima foi levada por uma viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), onde foi atendida medicada e liberada. Depois do atendimento, foi conduzida à Delegacia da Mulher para prestar depoimento.

O agressor foi autuado em flagrante por violência domestica e ficou preso.

Jornal Digital do Brasil

Jornal Digital do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *