Naturologia, um novo olhar para a saúde

Naturologia, um novo olhar para a saúde

Mani Alvarez*



Naturologia é um conhecimento da área da saúde que se fundamenta numa visão interdisciplinar, integrativa e humanística do processo terapêutico. Sua prática já é reconhecida no Reino Unido, Canadá, Austrália, Chile e Estados Unidos, entre outros.
O naturólogo é um profissional que trabalha com uma perspectiva de cuidado humanizado e uma escuta acolhedora, utilizando-se de diversas modalidades de práticas naturais, como fitoterapia, aromaterapia, florais, reflexologia, técnicas da medicina chinesa, meditação, etc. numa perspectiva de empoderamento do cliente visando o auto-cuidado e a auto-cura.
A medicina natural faz parte do acervo cultural da humanidade e suas fontes são ancestrais. Sua linhagem vem das tradições hinduístas, budistas, chinesas, xamânicas, além das vertentes nativas dos povos da América do Sul.
A competência nas práticas da medicina natural não se limita a ter conhecimentos teóricos, desenvolver habilidades ou possuir uma técnica eficiente. É necessário um propósito interno que faz do profissional dessa área um ser holístico. Sua formação envolve o autoconhecimento. A base conceitual de um terapeuta holístico é o ser humano em sua inteireza – corpo, mente, espírito, e isso começa com ele próprio.
Por causa disso, a formação de um Terapeuta Naturólogo é complexa e exige muito empenho para que ele desenvolva uma visão humanística, integrativa e complementar do ser humano. É preciso mudar o foco do olhar, para compreender que toda cura é um processo profundo de auto transformação.
Há um Projeto de Lei (nº 174, de 2017) que tramita no Senado para regulamentar o a profissão de Terapeutas Holísticos no Brasil. Seu objetivo é estruturar e fortalecer as terapias alternativas que utilizam sistemas naturais em saúde para uma prática mais sistemática, rigorosa e controlada, garantindo maior eficiência, qualidade e segurança para os usuários.
Uma nova consciência está surgindo e cada vez mais um número maior de pessoas rejeita os métodos sintéticos e invasivos de tratamento, seleciona os alimentos que vai consumir e busca meios naturais para recuperação da saúde. Como consequência natural, exige um profissional que tenha uma formação sólida, reconhecida e comprovada na área da medicina natural.

*Mani Alvarez é diretora do CLASI – Centro Latino Americano Ser Integral
e coordenadora do curso de pós-graduação em Naturologia Transpessoal

Jornal Digital do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *