Homem atira no rosto da ex-companheira na frente do filho do casal de 5 anos

Homem atira no rosto da ex-companheira na frente do filho do casal de 5 anos

Dayane Ianca Moreira, de 23 anos, está internada em estado grave desde sábado (4).

O homem suspeito de atirar no rosto da ex-companheira, de 23 anos, em Suzano (SP), cometeu o crime na frente do filho deles, de 5 anos, segundo informações da Polícia Militar. O ataque ocorreu no sábado (4) e foi registrado por câmeras de monitoramento.

Dayane Moreira está internada em estado grave. O ex-companheiro, Wellington Delmiro da Silva, foi preso e passou por audiência de custódia nesta segunda-feira (6), ocasião em que teve a prisão preventiva decretada. Segundo a família da vítima, ela já havia sido ameaçada por Wellington e pela atual namorada dele.

Câmeras de monitoramento gravaram o instante em que a vítima caminhava no meio da rua com o filho da casal. Atrás dos dois, com boné e um capuz por cima, vem um homem que, de acordo com a polícia, é Wellington.

Em outro ângulo é possível ver o momento em que Dayane e a criança vão para mais perto da calçada e se aproximam do portão de uma casa. O homem se apressa para chegar perto, saca a arma e, na frente da criança, atira no rosto da vítima que cai. Depois, ele foge correndo.

A ação foi vista por uma pessoa que estava na frente da casa com um cachorro. Ela relatou à polícia que ouviu gritos de “leva, leva” e que o homem sacou a arma para atirar no rosto de Dayane.

Wellington foi preso logo depois do crime na casa da mãe dele, no Miguel Badra Baixo, e reconhecido pela testemunha. Ele deve passar por audiência de custódia nesta segunda-feira (6).

Dayane foi levada ao Pronto Socorro Municipal de Suzano e, depois, transferida para o Hospital Luzia de Pinho Melo, em Mogi. Segundo a Secretaria de Saúde do Estado, ela está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O quadro de saúde é estável, mas grave.

Câmeras registraram momento em que o suspeito atirou na vítima — Foto: Reprodução/TV Diário

Ataque

O crime ocorreu por volta das 21h, conforme informações da PM. Wellington foi até a casa dela no Jardim Modelo e atirou no rosto de Dayane. Em seguida, ele fugiu. Uma testemunha do crime tentou ir atrás do agressor, mas voltou para socorrer a jovem.

O suspeito foi preso em frente à casa da mãe, por volta das 23h. Ao ser questionado sobre o crime, ele teria negado e dito que estava em casa com a atual companheira. Ao ser informado sobre uma possível condução à delegacia, o homem ficou nervoso e resistiu à abordagem.

Os policiais relataram que foram hostilizados pelos familiares do homem. Mesmo assim, conseguiram algemá-lo e o levaram para a Delegacia Central de Suzano, onde foi reconhecido e preso.

Jornal Digital do Brasil

Jornal Digital do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *