Polícia Militar fecha desmanche clandestino de caminhões roubados e prende dois criminosos

Polícia Militar fecha desmanche clandestino de caminhões roubados e prende dois criminosos

A prisão dos dois homens é considerada bastante importante, porque pode ajudar agora a Polícia Civil a chegar ao resto da quadrilha.

O combate às quadrilhas especializadas em ataques nas estradas da região terminou com a descoberta, pela Polícia Militar, de um desmanche clandestino que funcionava em um imóvel na rua Elisabete Cooler, 303, em Itupeva (SP). Dois homens foram presos em flagrante. Um deles tentou fugir, enquanto o outro foi encontrado dentro do desmanche, explicou o tenente Iuri, da equipe do capitão Augusto José Martinelli, do 11º Batalhão do Interior, com sede em Jundiaí (SP).

De acordo com o oficial, denúncia anônima levou a PM a montar uma ação com quatro equipes, que chegaram ao imóvel indicado e se depararam com um suspeito correndo assim que notou a aproximação das viaturas. Ele foi perseguido a pé e detido, sendo feita uma incursão dentro do imóvel, onde outro homem foi encontrado e abordado.

Foi constatado que se tratava de um galpão, dentro do qual havia duas carretas, uma empilhadeira (todos roubados), vários dispositivos inibidores de sinais de localização, conhecidos como “capetinhas”, além de combustível, ferramentas diversas e maçarico, tudo vigiado, incluindo a parte externa, por uma sala de monitoramento.

A prisão dos dois homens é considerada bastante importante, porque pode ajudar agora a Polícia Civil a chegar ao resto da quadrilha. Pelo que foi descoberto, é provável que se trate de um grupo especializado e organizado. Participaram da ação: sargento Delgemo, cabos Souza, Belasco e Oliveira, e soldados Evandro, Bernardelli, Gabriel, Feitosa, Jonatha, Pietro e Alan. Eles fazem parte da Equipe Bravo.

Jornal Digital do Brasil

Jornal Digital do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *