Criminoso beneficiado por “indulto de Natal” reage a abordagem policial e acaba morto em Mogi Mirim

Criminoso beneficiado por “indulto de Natal” reage a abordagem policial e acaba morto em Mogi Mirim

Um homem condenado pela Justiça por tráfico de drogas e beneficiado pela “saidinha de Natal”, entrou em luta corporal com GCMs na manhã desta quarta-feira, dia 25, foi baleado e acabou internado na Santa Casa de Mogi Mirim.

Ele foi preso em 2014 por tráfico de drogas. Condenado e mantido em detenção, ele foi beneficiado neste final de ano pela “saidinha de Natal”, podendo passar o final de ano em convívio com familiares.

Porém, a GCM recebeu informação que um homem estaria realizando tráfico de drogas na rua Edson Lúcio Patelli, no Santa Lucia. Quando a viatura chegou, o GCM Adriano foi logo surpreendido por Jean, que passou a desferir socos no rosto do guardas.

Jean conseguiu se desvencilhar da abordagem e correu, sendo perseguido por Adriano e pelo GCM Rafael. O GCM Henrique seguiu de carro para ajudar na abordagem. Houve um novo cerco no cruzamento das ruas Santa Luzia e 13 de Junho, onde Jean foi interceptado.

Jean partiu para cima de Adriano e os dois começaram a “rolar” pelo asfalto. Na confusão, Jean tentou pegar a arma de Henrique e Adriano reagiu, efetuando um disparo contra a perna de Jean, que continuou agredindo os GCMs.

O suspeito sofreu um novo disparo e conseguiu ser contido, apesar de continuar bastante agressivo. Levado até a Santa Casa, Jean sofreu duas paradas cardíacas.

Um familiar disse que ele teria saído de casa no dia 24 e não voltado mais, possivelmente sob efeito de uso de drogas.

O GCM Adriano foi atendido e passa bem, apesar de ter sofrido fratura na face. Com Jean havia 29 porções de maconha, 2 tubetes de cocaína e 5 pedras de crack.

Jean Carlos Santos Barbosa, de 28 anos, residente no Jardim Floresta, acabou falecendo na Santa Casa horas mais tarde.

Jornal Digital do Brasil

Jornal Digital do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *