Concurso Polícia Civil SP 2019: governo anuncia 8 mil vagas! CADÊ O EDITAL GOVERNADOR .

Concurso Polícia Civil SP 2019: governo anuncia 8 mil vagas! CADÊ O EDITAL GOVERNADOR .

Concurso Polícia Civil SP terá novos concursos.

Concurso Polícia Civil SP 2019: ofertará vagas para diversas áreas.

Concurso Polícia Civil SP ofertará vagas para diversas áreas.

No início do ano de 2019, o governador do Estado de São Paulo, João Dória, informou, em entrevista ao Bom dia Brasil, que um dos focos de seu governo é a melhoria da Segurança pública do estado e, para isso, ele garantiu que irá aumentar o efetivo das corporações abrindo concursos públicos para a área da segurança pública. De acordo com o governante, será realizado concurso para a Polícia Civil do Estado de São Paulo para provimento de 8 mil vagas (Concurso Polícia Civil  SP 2019).

Recentemente, o governador autorizou a realização de um novo certame para a Polícia Civil do Estado de São Paulo.

O despacho que autoriza a realização do concurso foi publicada no Diário Oficial do Estado no dia 04 de junho de 2019, e de acordo com o documento, serão ofertadas:

  • 250 vagas para os cargos de Delegado de Polícia de 3ª Classe;
  • 900 vagas para os cargos de Investigador de Polícia de 3ª Classe;
  • 1.600 vagas para os cargos de Escrivão de Polícia de 3ª Classe;
  • 189 vagas para os cargos de Médico Legista de 3ª Classe.

Ao todo, foram autorizadas 2.939 vagas para provimento no exercício de 2020, mas, ainda não foram divulgadas informações sobre quando será publicado o edital.

Outra promessa realizada por Dória no início do seu governo, além do aumento de número de vagas para os concursos da Polícia Militar e Civil, se refere à integração da Guarda Municipal com as corporações, colocando mais policiais nas ruas e, também, a realização de um processo de valorização salarial para os profissionais da segurança. “Vamos transferir para as ruas os 6 mil agentes que hoje fazem escolta de presos. Isso vai ampliar imediatamente o atendimento à população. Depois, faremos concursos públicos para 13 mil policiais militares e 8 mil policiais civis. Mas será uma ampliação gradual”.

Último concurso Polícia Civil SP 

O último concurso realizado para a Polícia Civil do Estado de São Paulo ocorreu em 2018. Na ocasião, foram ofertadas 2.750 vagas  para os cargos de Escrivão, Investigador, Agente Policial, Agente de Telecomunicações, Delegado, Auxiliar de Papiloscopista e Papiloscopista.

O certame foi dividido em vários editais. Confira as vagas que foram ofertadas para os cargos de

Nível médio:

Papiloscopista policial – 200 vagas

  • Escolaridade: Ensino Médio
  • Salário: R$ 3.589,86 mais adicionais

Agente de telecomunicações policial – 300 vagas

  • Escolaridade: Ensino Médio
  • Salário: R$ 3.589,86 mais adicionais

Agente policial – 400 vagas

  • Escolaridade: Ensino Médio
  • Salário: R$ 2.905,34

Auxiliar de papiloscopista policial – 200 vagas

  • Escolaridade: Ensino Médio
  • Salário: R$ 2.905,34

Já para Nível Superior:

Delegado -250 vagas

  • Escolaridade: Ensino superior em Direito
  • Salário: R$ 9.507,77

Escrivão – 800 vagas

  • Escolaridade: Ensino Superior
  • Salário: R$ 3.743,98

Investigador de polícia – 600 vagas

  • Escolaridade: Ensino Superior
  • Salário: R$ 3.743,98

Provas do último concurso da Polícia Civil SP

Papiloscopista Policial

O concurso foi composto de prova preambular, contendo 80 questões de múltipla escolha, cada questão com 5 alternativas de resposta.
Foram avaliados dos candidatos conhecimentos nas disciplinas de:

Língua portuguesa – 20 questões;
Noções de Direito – 5 questões;
Noções de Criminologia – 5 questões;
Noções de Medicina e Odontologia Legal – 5 questões;
Noções de Biologia – 5 questões;
Noções de Informática – 20 questões;
Noções de Lógica – 7 questões;
Noções de Identificação – 8 questões;
Atualidades – 5 questões.

Agente de Telecomunicações Policial

Os candidatos foram avaliados por meio de prova preambular, composta de 80 questões de múltipla escolha, com 5 alternativas de resposta.
As disciplinas cobradas foram:

Língua portuguesa – 30 questões;
Noções de Direito – 6 questões;
Noções de Criminologia – 4 questões;
Noções de Informática e Comunicação – 30 questões;
Noções de Lógica – 4 questões;
Atualidades – 6 questões.

Agente Policial

O concurso foi composto de prova preambular, com 80 questões de múltipla escolha com 5 alternativas de respostas, que versaram sobre as disciplinas de:

Língua portuguesa – 20 questões;
Noções de Direito – 10 questões;
Noções de Criminologia – 10 questões;
Noções de Informática – 20 questões;
Noções de Lógica – 10 questões;
Atualidades – 10 questões.

Auxiliar de papiloscopista

Todos os candidatos foram avaliados por meio de prova preambular, que continha 80 questões, envolvendo as disciplinas de:

Língua portuguesa – 25 questões;
Noções de Direito – 5 questões;
Noções de Criminologia – 5 questões;
Noções de Medicina e Odontologia Legal – 5 questões;
Noções de Informática – 10 questões
Noções de Lógica – 5 questões;
Noções de Identificação – 10 questões;
Conhecimentos Gerais – 10 questões;
Atualidades – 5 questões.

Houve, também, comprovação de idoneidade e conduta escorreita mediante investigação social, de caráter unicamente eliminatório.

Delegado

O concurso para o cargo de Delegado foi composto de 5 fases, sendo:

Prova preambular;
Prova escrita;
Comprovação de idoneidade e conduta escorreita, mediante investigação social;
Exame oral; e
Prova de títulos;

A prova preambular foi constituída de 100 questões, cada uma com 5 alternativas de resposta, e avaliou do candidato conhecimentos nas disciplinas de:

Direito Penal – 14 questões;
Direito Processual Penal – 14 questões;
Legislação Especial – 14 questões;
Direito Constitucional – 14 questões;
Direitos Humanos – 14 questões;
Direito Administrativo – 14 questões;
Direito Civil, Medicina Legal e Noções de Informática – 16 questões.

Escrivão

O concurso foi composto pelas seguintes provas:

prova preambular;
prova escrita;
comprovação de idoneidade e conduta escorreita mediante investigação social;
prova oral;
prova de títulos.

A prova preambular conteve 100 questões de múltipla escolha, com 5 alternativas de resposta, envolvendo as disciplinas de:

Língua portuguesa – 36 questões;
Noções de Direito – 30 questões;
Noções de Informática – 16 questões;
Noções de Criminologia, Noções de Lógica e Atualidades – 18 questões.

Investigador de polícia

Todos os candidatos foram avaliados por meio de provas:

preambular;
escrita;
comprovação de idoneidade e conduta escorreita mediante investigação social;
oral;
títulos.

A prova preambular foi composta de 100 questões objetivas, com 5 alternativas cada uma, e abrangeu as disciplinas de:

Língua portuguesa – 30 questões;
Noções de Direito – 30 questões
Noções de Criminologia – 10 questões
Noções de Lógica – 10 questões
Noções de Informática – 10 questões;
Atualidades – 10 questões.

Detalhes do concurso Polícia Civil SP

ConcursoPolícia Civil do Estado de São Paulo (Concurso Polícia Civil SP 2019)
Banca organizadoraa definir
CargosDelegado, Investigador de Polícia, Escrivão e Médico Legista
EscolaridadeNíveis médio e superior
Número de vagasa definir
Remuneraçãoaté R$ 9.507,77 (conforme o último edital)
SituaçãoAUTORIZADO
Links dos últimos editaisAgente de Telecomunicações Policial – Agente Policial –  Auxiliar de Papiloscopista Policial –  Delegado – Investigador  –  Escrivão – Papiloscopista –  Médico legista
Previsão para publicação do edital2019 e 2

Jornal Digital do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *